Top10 Guitarristas por Fabian Steinert

Com personalidade musical formada a partir dos guitarristas de suas bandas favoritas, Fabian Steinert participa de diversos projetos musicais e é guitarrista da banda Motor City Madness.

A banda lançou seu novo CD, entitulado “Dead City Riot”, em abril de 2015 e acaba de voltar da Australia onde, escolhidos pela Converse para participar do Rubber Tracks Worlwide, gravou 5 faixas inéditas, lendário Studios 301. As gravações darão origem a um novo EP em breve.

Com 24 anos de guitarra, Fabian elenca seu top 10 de guitarristas.

01 | Tony Iommi

O Lord dos riffs. Sua guitarra, com afinação baixa e timbres graves, foi contra os timbres usados por outras bandas de sua época. Seu interesse pelo ocultismo e cinema de horror também foram fatores que influenciaram sua forma a criar, elevando sua musicalidade em momentos de tensão, antes usados apenas na música clássica, muitas delas em trilhas de filmes de gênero.

02 | Eddie Clarke

Fast Eddie Clarke é puro veneno. Seus solos recheados de pentatônicas blues unidas com um Cry Baby Wah insano e dedos velozes fazem de Fast Eddie um guitarrista ímpar. As mudanças de tom de suas bases durante os solos são outra assinatura do guitarrista que, ao lado de Lemmy Kilmister, gravou um dos melhores discos da história do rock, o Ace of Spades.

03 | Denis Tek

Guitarrista e fundador da banda australiana Radio Birdman, Tek está na lista dos guitarristas mais originais do rock de garagem do fim dos anos 70. Seu solos blues usam pentatônicas tradicionais, porém com um toque melódico que, aliados à velocidade dos licks, dão ao som de Tek um ar maroto e agressivo em brisa de praia, num clima surf rock.

04 | Malcolm Young

Pouco se fala do valor de uma guitarra base bem tocada e, nesse quesito, meu guitarrista escolhido para o top 10 foi Malcolm Young, que comandou a base do AC/DC com maestria durante toda sua carreira. Com uma mão pesada e precisa, ele é o maquinista que toca o trem nos trilhos e faz o carvão virar brasa. Vale lembrar que Mal era o compositor da maioria dos riffs do AC/DC, incluindo clássicos que muitos atribuem ao seu irmão Angus Young.

05 | Allen Collins

O coração da banda mais conhecida de southern rock da história, o Lynyrd Skynyrd, Collins com sua firebird era puro sentimento. Seu solos com bends de tirar o fôlego e seu timbre cortante como uma navalha imortalizaram clássicos como Freebird.

06 | Robby Krieger

Um dos guitarristas mais originais da história do rock. Krieger tem como diferencial sua bagagem de música flamenca e o não uso de palhetas. Vale resaltar seus arranjos sempre com pitadas psicodélicas e seus glissandos que deixam o ouvinte em corda bamba.

07 | Tommy Bolin

Com sua fender strato, calcado em fusion rock e soul music, Bolin está na minha lista pelo magnífico disco ‘Come Taste the Band’ do Deep Purple. Seu groove na mão direita era pura malevolência e seus solos experimentais com timbres platinados chapam o coco de qualquer guitarrista.

08 | Slash

Atualmente pouco escuto e acompanho o trabalho desse guitarrista icônico do hard rock, mas está na minha lista e merecido por ser compositor de diversos riffs e solos de um dos álbuns mais influentes dos anos 90, o ‘Appetite for Destruction’ do GN’R.

09 | John 5

O quinto guitarrista a acompanhar Marilyn Manson e dono de uma personalidade singular dentre a nova geração de guitarristas norte-americanos. Seu rosto maquiado com um quê de coringa, ou sua máscara de caveira com chapéu de cowboy são outro atrativo desse grande músico que já acompanhou além de Manson, David Lee Rot, Paul Stanley, Slash e Lynyrd Skynyrd.

10 | Josh Homme

Guitarrista da banda ícone de stoner rock Kyuss, Joshua com sua guitarra plugada num amp de baixo em timbre low-fi definiu uma das vertentes mais influentes da atualidade. Sua caminhada após o Kyuss foi ao lado de Mark Lanegan como apoio ao Screaming Trees, e logo após formando seu grupo que dispensa apresentações, o QotSA.

Sua opinião

Comentários